04/05/2017

Resenha Literária: Desventuras em serie - Inferno no colégio interno

Nome: Desventuras em serie - Inferno no colegio interno
Escritor: Lemony Snicket
Nº de paginas: 208
Editora: Cia das letras
Classificação: 5 estrelas, cada vez mas incrível.

Sinopse: “Nada de aventuras emocionantes com final feliz: Violet, Klaus e Sunny Baudelaire são legais e inteligentes, mas a vida deles está repleta de má sorte e infelicidade. Neste livro, os órfãos mais azarados do mundo enfrentam caranguejos que mordem, exames hiper-rigorosos e os castigos duríssimos de um internato. O colégio se transformou em mais um desastroso episódio de suas vidas horríveis. Desta vez, eles precisam escapar de fungos gotejantes, assistir a recitais de violinos, domar o sistema métrico e sobreviver a exercícios de D.O.R. Violet, Klaus e Sunny têm o poder de atrair desgraças. Quem gosta de histórias alegres não deve nem abrir este livro, avisa o autor, pois as histórias de dos Baudelaire são sempre uma desventura pior do que a outra.

E as desventuras com os Baudelarie não acabam, este é mais um livro onde o Conde Olaf se disfarça e consegue fazer com que todos acreditem nele, vemos as crianças usando suas habilidades e conhecimentos e o mais legal, as crianças conseguem fazer uma bela amizade com os trigêmeos Quaguimere. 

Sem tempo de ver quem era o próximo tutor das crianças, sr. Poe as leva para um internato, um colégio um tanto estranho. Eles já estavam desanimados, e de cabeça baixa chegam a sala do vice diretor, claro sem o sr. Poe que estava atrasado para seu compromisso. Ao chegar na sala os Baudelarie ouvem um som horrível de violino, alguém estava tocando de forma terrivelmente desafinada e este era Nero, o vice diretor que conversou com as crianças falando quais eram os seus deveres. Violet estudaria na sala 1 e Klaus na sala 2, já Sunny ainda bebê teria que trabalhar como secretaria de Nero, mesmo sendo pequena demais. 

E assim os Baudelarie de cabeça baixa foram para o quarto deles, um lugar terrível para se chamar de lar. Suas camas eram feitas de palha, o teto estava sendo consumido por cupins e o papel de parede verde era terrível. Para piorar os professores era um tanto estranhos. O professor de Vilet contava suas irritantes historias e todos deveriam anotar, e Klaus tinha uma professora que amava medidas e fazia as crianças medirem tudo, já Sunny estava ao menos se saindo bem atendendo telefonemas e grampeando papeis.

Em meio a tudo que tiveram que passar elas tinham ainda um pouco de esperança de serem felizes, e de ficarem longe do conde Olaf, mas sabiam que logo ele estaria ali para tentar se apoderar deles e da fortuna. Descobriram que o novo professor de ginastica era na verdade aquele que tentava roubar o que pertencia aos Boudelarie alem de infernizar a vida deles, sim era o conde Olaf. As crianças sabiam que não poderiam ligar para o sr. Poe e que o vice diretor Nero não acreditaria nelas, por isso fingiram acreditar, porem logo criaram uma estrategia para desvendar o Conde Olaf.

E como em todos os livros Olaf arquiteta seu plano que desta vez quase deu certo, graças a ajuda dos novos amigos dos Baudelarie os trigêmeos. Mas como tudo não é uma mar de flores para estas crianças, algo terrível acontece no final, e uma sigla estranha tem a ver com elas. C.S.C. o que é? Ainda é um mistério.

O livro é muito bom vale a pena ler.

Compre o livro na:







Nenhum comentário:

Postar um comentário